Mauro Zamaro

Advogado Especialista em Direito Militar e Pós graduando em Direito Empresarial e em Direito Eletrônico.

Deixe-me explicar um pouco o motivo dessa postagem.

Tive uma infância um tanto “adultizada” demais. Por força da rígida disciplina e dos contextos de convívio que não vem ao caso nesse momento, iniciei minha jornada de trabalho ainda muito novo. Comecei a trabalhar sem a real necessidade de trazer algum dinheiro para colocar comida em casa.

Essa escolha se deu pelo impulso dado a mim a fim de que eu aprendesse a conquistar as coisas pelo meu próprio esforço. Ok, lição aprendida.

De lá pra cá muita água passou debaixo das pontes onde passei ou dormi.

E de ciclos em ciclos a gente se vê nos pontos de inflexão onde tudo (absolutamente tudo) tem de mudar.

Em 2018 novamente me encontrei num desses pontos de mudança!

Optei por deixar o conforto do soldo sendo pago todo o início de mês para desbravar um mundo totalmente novo mas para o qual eu tenho um propósito muito bem definido: o de e Promover a justiça em seu aspecto integral, de forma humanizada, com ética e equidade, e procuro a defesa integral dos direitos e deveres das pessoas na sociedade.

Promover a justiça em seu aspecto integral, de forma humanizada, com ética e equidade, e procuro a defesa integral dos direitos e deveres das pessoas na sociedade. ESSE É O MEU PROPÓSITO!

E lá estávamos tentando reinventar a nossa própria roda pra por todo o nosso conjunto em um novo movimento. Digo “nós”, porque NADA no mundo se consegue sozinho! Absolutamente nada! Sem o apoio da minha esposa esta decisão não poderia ter sido tomada!

A única coisa que me pareceu clara naquele momento é que o sucesso está muito (mas muiiiiiiito mesmo) longe da zona de conforto. A bem da verdade, todos os dias isso se mostra mais claro e cristalino!

“Não reze por fardos mais leves mas, sim, por ombros mais fortes!” (Autor desconhecido)

Eu estava relutante para escrever sobre esse assunto afinal os últimos anos têm sido muito intensos.

Sou um imigrante oriundo do oásis mercadológico da área de Tecnologia da Informação para a área das Ciências Jurídicas. Passei bons anos desenvolvendo sistemas de informação para diversas empresas. Ingressei na vida castrense como Tenente da Força Aérea Brasileira, no Quadro de Oficiais Convocados logo no primeiro ano do curso de Direito, em 2013. Optei pelo direito pois vi nessa área do conhecimento a minha melhor chance para cumprir o meu propósito.

Conciliar a vida no quartel, um curso de Direito em uma cidade vizinha e algum tempo sobrando para dar alguma atenção à família definitivamente não foi fácil e tampouco confortável.

O último ano da faculdde de direito foi especialmente difícil! Finalizar o TCC com um tema intrincado sobre a Litigância de Má-Fé, Preocupações com o tão temido “Exame da OAB” que optei por fazer em Direito Constitucional (Passei!! Huhúú), já emendando com o início de uma especialização em Direito Militar, tudo isso no último ano do curso, em 2017.

Nenhum desafio parecia tão natural quanto exercer a advocacia! Finalmente havia entendido o MEU PROPÓSITO!

Encerrei meu ciclo de oficial convocado na FAB e ingressei aos quadros da Ordem dos Advogados do Brasil, tendo meu cadastro e número deferidos em 7/11/2018.

Tenho procurado exercer meu ofício com os melhores dos meus esforços, sempre em busca da promoção da justiça humanizada, colaborativa, na defesa dos DIREITOS e, também, dos deveres!

Advogar é um exercício diário e contínuo acompanhado de muito estudo. Não somente da técnica jurídica mas, também, das relações humanas!

Essa jornada é muito parecida com diversas jornadas que tenho visto com os clientes, colegas, amigos e família.

E quanto a você? Qual é a sua jornada?

(Se quiser compartilhar, conta aí nos comentários! )

%d blogueiros gostam disto: