O que é um veículo de comunicação crítico?

Há uma grande ‘explosão’, especialmente na práxis pedagógica, do adjetivo “crítico” normalmente na classificação de um “cidadão” e atrelado à responsabilidade de um docente quanto à sua formação. Na maior parte dos artigos científicos do espectro da sociologia, pedagogia e lerolerologia encontramos a frase “formar cidadãos críticos e conscientes de seu papel social[1]. Isso, ao meu ver, está tão batido que não chega nem ao status de “commoditie”.

O adjetivo crítico deveria ser tratado com a criticidade que lhe é de direito.

Quando tratamos de algo crítico, tratamos de algo que deve ser relevante, fundamental – essencial à vida ou a alguma questão de negócios. Por exemplo, para uma companhia aérea, seu sistema de emissão de bilhetes é um sistema crítico e deve ser mantido por ela com tamanho cuidado quanto for possível.

Um “veículo de comunicação crítico” é um ente comunicacional que contribui de forma eficaz com a formação da pessoa, do indivíduo, do CIDADÃO consciente de seu papel social. Parece balela, talvez por causa do tamanho uso sem ‘critica’ do termo ‘crítico’.

Um veículo de comunicação crítico é operacionalizado por pessoas ‘não passivas’ ou, para que não me julguem mal, por pessoas que não são inertes aos movimentos políticos, sociais, econômicos que influenciam e têm o claro objetivo de deturpar a ética em seus valores e princípios a partir de interesses de mercado.

Um veículo de comunicação crítico é livre para expressar suas opiniões, por mais dissonantes que pareçam em relação à média das opiniões e fomentar a discussão e o posicionamento social do indivíduo por meio das reações a essas opiniões.

Um veiculo de comunicação crítico é responsável pela integridade moral e pela honestidade em relação aos conceitos e regras sociais.

Enfim, um veículo de comunicação crítico é o dispositivo no qual o indivíduo vê retratado valores éticos e morais, além de ser imparcial e verdadeiro no fomento da evolução social da humanidade.


[1] Dê um Bing na frase e veja o número de hit-counts!

a deal is a deal until a better one comes…

unless I was reviewing some old things I’ve write some years ago… I found that piece of ‘frustration’ … enjoy it!

Once I’ve heard that “a deal is a deal until a better one comes”.
I’m thinking about this since the last week when I was invited to participate on an internal hiring process for a new job title.

I was trying to change my career into the “ IT business” but I guess that some of my personal characteristics will never fit in this kind of job. Probably I’ll never left the technical skills behind my way… I’m a 0x67 0x65 0x65 0x6B 0x00 (geek) since I was born.

I prefer not to tell you, dear readers, how I noticed that. The only thing I want to notice you is that You should pay attention on YOURSELVES! EVER!

(now… in portuguese!)

Uma vez eu ouvir alguém dizer que "um negócio é um negócio até que um melhor apareça".
Estou pensando sobre isso desde a última semana, quando fui convidado para participar em um processo interno para um novo cargo.

Eu estava tentando mudar a minha carreira com foco em  "IT business", mas acho que algumas das minhas características pessoais nunca irão caber neste tipo de trabalho. Provavelmente eu nunca deixarei minhas habilidade técnicas de lado com esse meu jeito … Sou um  0x67 0x65 0x65 0x6B 0x00 (geek) desde que eu nasci.

Prefiro não dizer a vocês, queridos leitores, como eu notei isso. A única coisa que eu aviso é: que vocês devem prestar atenção em vocês mesmos! SEMPRE!